domingo, 22 de Agosto de 2010

Creatinina e Uréia

Este texto é sobre a creatinina e uréia, duas substância dosadas em análises de sangue que servem para avaliar a função dos rins. Não confundir creatinina com creatina. Se procura informação sobre o suplemento alimentar creatina, seu texto é este: SUPLEMENTOS DE CREATINA FAZEM MAL?

Apesar de servirem para o mesmo propósito, avaliar o grau de funcionamento dos rins, e de serem geralmente solicitadas conjuntamente, a creatinina é uma marcador da função renal muito superior a uréia. Por isso, vamos nos ater com mais profundidade a ela, tecendo alguns comentários sobre a uréia no final do texto.

- O que é creatinina?

- Você sabe se seus rins funcionam bem?

- Você sabia que insuficiência renal costuma ser assintomática até fases tardias da doença?

- E você sabe que existe um exame de sangue simples e barato chamado creatinina, que pode identificar a doença renal em sua fase inicial?

- E afinal, você sabe quanto é sua taxa de creatinina sanguínea?

Estima-se que existam 1,5 milhões de brasileiros com algum grau de disfunção dos rins. E o mais assustador é que 70% destes sequer desconfiam que possam estar doentes.

Em 2005 havia mais de 60 mil doentes em hemodiálise, um número que tem crescido em média 8% ao ano. 95% das hemodiálises são bancadas pelo SUS, um gasto que, junto aos custos do programa de transplante renal, chega a quase 2 bilhões de reais por ano ! Isso representa quase 15% dos gastos ambulatoriais do SUS.

Inúmeras doenças podem levar a doença renal crônica, mas 6 delas correspondem a quase todos os casos:
- Hipertensão
- Diabetes
- Rins policísticos
- Glomerulonefrites
- Infecções urinárias de repetição
- Cálculos renais de repetição

É muito comum nós médicos ouvirmos a seguinte frase:
- Ah doutor, meus rins estão ótimos, eu urino muito bem e eles não doem.

Como eu já disse, a doença renal crônica não costuma causar sintomas até fases bem avançadas da doença. A maioria dos doentes que precisam iniciar hemodiálise ainda apresentam um bom volume urinário. Urinar por si só não significa que os rins funcionem perfeitamente. O controle da água corporal é apenas uma das atribuições dos rins.

O sistema renal, além da água, também agem no(a) :

- Excreção de substâncias sanguíneas como remédios ou toxinas.
- Níveis sanguíneos de eletrólitos como potássio, sódio, magnésio, cálcio e fósforo.
- Produção de hormônios que controlam os glóbulos vermelhos.
- Controle da massa dos ossos.
- Controle da função da coagulação do sangue.
- Controle do pH do sangue.
- Controle da pressão arterial.

E atenção, a insuficiência renal não é causa de dor renal!

A dor costuma acontecer em casos de pielonefrite (infecção dos rins) ou de cálculo renal.

Então como eu faço para saber se meus rins estão a funcionar de modo correto?

- Dosagem da creatinina e da uréia no sangue.
- Análise de urina ( EAS ou urina tipo I) (leia: ENTENDA SEU EXAME DE URINA ).

Dois exames simples e baratos, disponíveis em qualquer laboratório público ou privado.

O raciocínio é simples. As duas substâncias (uréia e creatinina) são produzidas constantemente pelo organismo e são eliminadas pelos rins. Deste modo, a sua concentração mantém-se sempre estável. Se os rins passam a não funcionar bem, elas começam a acumular no sangue. Portanto, quanto pior for a função renal, mais elevados serão os valores de uréia e creatinina.

E afinal, quem deve dosar a creatinina?

Pessoas que são ou que tem:
- Hipertensão e/ou diabetes
- Idosos.
- História familiar de rins policísticos ou glomerulonefrite.
- História familiar de insuficiência renal crônica
- Uso crônico de antiinflamatórios.
- Infecção urinária de repetição.
- Cálculos renais de repetição.
- Edemas (inchaços) sem causa definida.
- Anemia sem causa definida.
- Doenças cardíacas graves, principalmente insuficiência cardíaca
- Alterações na urina como sangramento (em geral se apresenta como urina cor de Mate ou Coca-Cola) ou excesso de espuma (parece colarinho de chopp) que é um sinal de proteinúria.
- Pessoas com emagrecimento, perda de apetite, náuseas matinais e fraqueza intensa sem causa aparente.
- Obesos
- Fumantes

Os valores normais da creatinina variam entre 0,6 a 1,3 mg/dl. Porém esses valores não são absolutos e devem ser interpretados pelo seu médico. Como a cretinina é produzida pelos músculos, pessoas musculosas apresentam taxas basais maiores. Um jovem esportista pode apresentar até 1,4 mg/dl de creatinina e não significar doença renal, enquanto que uma senhora idosa e magra com 1,2 mg/dl pode ter rins doentes. Portanto, não se interpreta a creatinina como um valor absoluto. Deve-se levar em conta sexo, idade e peso do paciente.

Através da creatinina, seu médico, através de uma simples fórmula, pode calcular a taxa de filtração renal (clearance de creatinina), que é basicamente o quanto seus rins funcionam. Rins normais filtram até 180 Litros de sangue por dia, ou aproximadamente 120 ml/min. Valores abaixo de 60 ml/min indicam insuficiência renal crônica.

Uma vez que os rins parem de funcionar, só existem 2 opções, diálise ou transplante renal. O encaminhamento precoce ao nefrologista (especialista em rins) pode evitar desfechos desagradáveis para o doente e sua família.

A uréia, produzida no fígado após metabolização das proteínas da alimentação, também é um marcador de função renal muito utilizado. Em geral, solicita-se a uréia e a creatinina conjuntamente. Porém, a creatinina é um melhor marcador já que a uréia pode vir alterada em casos de desidratação, uso de diuréticos, sangramento digestivo, alimentação rica em proteínas, doença do fígado etc...

Todos os textos do blog sobre doenças renais podem ser encontrados aqui: Nefrologia / Urologia




Leia também:
- REMÉDIOS QUE PODEM FAZER MAL AOS RINS
- HEMATÚRIA ( URINA COM SANGUE )
- HEMODIÁLISE
- PROTEINÚRIA, URINA ESPUMOSA E SÍNDROME NEFRÓTICA
- RINS POLICÍSTICOS (você pode ter e não saber)
- INFECÇÃO URINÁRIA
- CÁLCULO RENAL (PEDRA NOS RINS) - Por que ele surge?
- URINA COM CHEIRO FORTE
- ENTENDA A INSUFICIÊNCIA RENAL AGUDA

English version: DO YOU KNOW WHAT CREATININE IS?
Versión en español: ¿QUÉ ES LA CREATININA?

CREATININA O que é, para que serve e como ela indica doença dos rins - Última atualização em Maio 2010

Poderá também gostar de:
O QUE SIGNIFICAM AST (TGO), ALT (TGP) E GAMA GT? MAL DE PARKINSON DOENÇA DE PARKINSON Sintomas e ... PRESSÃO BAIXA EXISTE ? ENTENDA A VARICOCELE CONJUNTIVITE Sintomas e Tratamento LinkWithin

Leia mais:
http://www.mdsaude.com/2008/09/voc-sabe-o-que-creatinina.html#ixzz0xLZqfy7D

Fonte:http://www.mdsaude.com/2008/09/voc-sabe-o-que-creatinina.html

27 comentários:

  1. Olá blogueiro,
    É muito importante incentivar a doação de órgãos e conscientizar as pessoas sobre a importância deste gesto de solidariedade.
    Para ser doador de órgãos não é preciso deixar nada por escrito. O passo principal é avisar a família sobre a vontade de doar. Os familiares devem se comprometer a autorizar a doação por escrito após a morte. Divulgue a ideia e salve vidas!
    Para mais informações: comunicacao@saude.gov.br
    Ministério da Saúde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei muito de ler sua opinião cheia de razão, e só para tudo ficar mais claro, é bom lembrar também que após a doação o corpo não fica deformado, pois a retirada do órgão é uma cirurgia como qualquer outra. Mais de 2.000 paranaenses (estou no meio) aguardam por um transplante. Você pode dar o presente que alguém tanto espera para voltar a ter uma vida normal.

      Eliminar
  2. Muito legal seu blog, sou da área de saúde e suas informações são sempre corretíssimas, parabéns!

    ResponderEliminar
  3. Gostei muito das informações contidas no texto acima e gostaria de saber se uma pessoa com diagnósticos normais de uréia e creatinina pode ter disfunção renal, pois há mais de dez anos investigo edemas nas pernas e não encontrei o problema.Só que hoje os edemas são muito fortes no corpo ,principalmente no rosto , pernas e pés.Continuo a investigação.Procurei ajuda do cardiologista,clinico geral,angiologista e até um nefrologista que ao ver a taxa de creatinina e uréia disse que eu não tinha doença renal e me deu alta.O problema está mais dificil e nao sei o que fazer.gostaria muito de obter uma informação a respeito desse problema. Desde já agradeço.
    Helenynha

    ResponderEliminar
  4. Olá boa tarde Helenynha terei o maior prazer em ajuda-la mas para isso tera de me fornecer mais dados da sua doença se tiver enteresada mande para o meu mail que está na pagina do blog.
    Obrigada pelo comentário e pela visita

    ResponderEliminar
  5. Entrei em seu blog pois estou com a filha de minha prima internada, tem 26 anos e o exame deu uréia 160 e creatinina 10...o médico falou que ela vai ter que fazer diálise pelo menos uma semana p/ ver como o rim dela responde...mas acho que ela precisará ficar fazendo diálise por um bom período...tem a suspeita de nefrite lúpica...mas os rins dela não estão funcionando como deveriam...estou muito preocupada...abraços e boa sorte...

    ResponderEliminar
  6. ok gostei muito das informações gostaria da sua opnião sobre meu quadro cratinina 6,2 urea 107 sendo que a 4 anos que a creatinina não sobe e nem abixa se mantem neste nivel durante estes 4 anos minha dieta foi totalmente desfavoravel a saude dos meus rins agora estou com uma dieta favoravel ao foncionamento dos rins sera possivel baixar as taixas de ureia e creatinina com remedios edieta alimentar sem ter que enfrentar a dialice

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. se vc tiver acido urico cuide dele pois se vc nao cuidr comprometirar os rins se vc não tiver consulte um médico

      Eliminar
  7. Meu irmão é transplantado renal pela segunda vez.....adorei seu blog, muitas pessoas, ainda, são leigas nesse assunto.

    ResponderEliminar
  8. Existe alguma forma de reduzir a Creatinina e a Urea?Minha mãe já faz hemodialise a 3meses e gostaria de saber se esses componentes diminuirem existe a possibilidade dela não fazer mais Hemodialise.

    ResponderEliminar
  9. s how de bola . eu sou diabetica , hipertensa e agora irc e eu amei esse site . estou desesperada pq tenho 2 filhos.muito obrigada

    ResponderEliminar
  10. Seu blog é um show,Parabens,gostaria de saber como baixar a Ureia.

    ResponderEliminar
  11. Gostei muito do seu blogue, meu pai tem doença renal crônica. Que tipos de alimentos tipo frutas, chás, etc, que eu possa dar para ele não precisar fazer diálise.
    Muito obrigada.

    ResponderEliminar
  12. queria uma informacao minha creatinina deu 0,58 tenho 34 anos 1,8 de altura uns 86 kilos me ajudem a tirar essa duvida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 0,58 de creatinina não é elevado ...Preocupe-se quando começar a subir pra 1 e pouquinho...

      Eliminar
  13. Minha mãe, de 86 amos de idade, hipertensa e obesa desde 47/48 anos, está com insuficiência renal grave.
    O nefrologista, Dr. Humberto Ladeira, Hospital São José do Avaí, Itaperuna, RJ, Brasil, explicou-nos: "a indicação é hemodiálise ou diálise, mas as condições físicas dela não permitem que passe por nenhum destes procedimentos".
    Desde janeiro/2013 até hoje(setembro), ela segue com uma alimentação absurda:
    - dois gramas de sal por dia;
    - pouco líquido;
    - verduras e legumes: cozinhar e desprezar a água;
    - carne branca pode;
    - feijão não pode (brasileiro ama arroz com feijão!);
    - e por aí vai...
    Tem alguma sugestão para a alimentação dela?
    Que grande favor se você der alguma contribuição! Já estamos entrando no desespero. Ela enjoa facilmente dos alimentos...

    ResponderEliminar
  14. o chá do alfafacão de folhas lisas que em alguns lugares é conhecido por quioio além de ser util nas gripes e resfriados e anti inflamatório é util para reduzir a creatinina,peço desculpas mas é importante que os pacientes renais evitem o peixe cação e usem a pescadinha branca.

    ResponderEliminar
  15. Tenho insuficiência renal crônico, fui diagnosticado após uma pré-eclampsia.
    Até agora ela está controlada Creatinina 2.4 . Mantenho uma alimentação controlada rica em carboidratos e pobre em proteína animal, sódio, potássio... Tomo injeções de eritropoetina semanalmente, Não sou Transplantada nem faço diálise nem hemodiálise. Muito bom este blog, na nossa situações é muito bom encontrar pessoas que passam pelo que passamos para trocarmos experiências ;)

    ResponderEliminar
  16. MEU MARIDO TEM UMA DOEÇA NOS RUIS E ESTA COM A CREATININA DE 7,3 O QUE PODE ACONTERCER COM ELE E QUAL O TRATAMENTO IDEAL PARA ELE

    ResponderEliminar
  17. meu marido tem problemas renais e não faz hemodiálise e esta com a creatinina de 7,3 o que pode acontecer com ele estou muito preocupada

    ResponderEliminar
  18. Creatinina da minha mae está 2.0, ureia 85 e potassio 4,4.
    Tem 69 anos, hipertensa, diabetica, cardiopata e tem somente um rim.
    Esta com plurido uremico por todo o corpo.
    E então?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aconselho a procurar um nefrologista urgentemente, para que esta creatinina não suba. Se ela tem somente um rim é muito perigoso que este pare de funcionar. Meu marido tb tem um rim só e quando ví a creatinina dele estava em 2,6 e não conseguimos reverter mais, descobrimos que ele tem um tumor neste rim único, atualmente está hospitalizado, fazendo diálise prq o rim dele não está dando conta. Aconselho a procurar este especialista o quanto antes. Ver a alimentação, tirar o sal dos alimentos e o potássio tb. Não sabia que o nosso organismo tinha tantos elementos químicos (fósforo, potássio, cálcio, bicarbonato etc...) é uma loucura, quando o rim não funciona o sangue fica intoxicado.
      Desejo que ela fique bem.

      Eliminar
    2. Aconselho a procurar um nefrologista urgentemente, para que esta creatinina não suba. Se ela tem somente um rim é muito perigoso que este pare de funcionar. Meu marido tb tem um rim só e quando ví a creatinina dele estava em 2,6 e não conseguimos reverter mais, descobrimos que ele tem um tumor neste rim único, atualmente está hospitalizado, fazendo diálise prq o rim dele não está dando conta. Aconselho a procurar este especialista o quanto antes. Ver a alimentação, tirar o sal dos alimentos e o potássio tb. Não sabia que o nosso organismo tinha tantos elementos químicos (fósforo, potássio, cálcio, bicarbonato etc...) é uma loucura, quando o rim não funciona o sangue fica intoxicado.
      Desejo que ela fique bem.

      9 de Maio de 2014 às 21:46

      Eliminar
  19. A ureia e creatitina pouco altas podem ficar crônicas e a pessoa estar sã?
    Como no caso da hepatite que fica crônica, mas a pessoa não tem mais a doença, como se fosse uma sequela?

    ResponderEliminar
  20. Boa tarde,
    Estou dores na altura da cintura, indo um pouco para tras e um pouco para frente do lado direito, estive no hospital, mas uma medico que parecia nao ter experiencia nenhuma me nada me atendeu, pediu exame de urina, sangue, cretina e ureia. Assim que ficou pronto ela falou que no exame de sangue nao tinha dado nada, porem n de urina tinha apontada uma pequena taxa que estava elevada, porem muito pouco. Entao ela disse que o meu problema nao era nos rins e sim uma infecçao urinaria. Estou tomando antibiotico e antiinflamatorio, mas a dor so aumenta. Minha duvida é infecçao urina pode causar dor na cintura sem causar dor ao urina, nao sinto nada, ardencia, dor incomodo na regiao vaginal. Ela disse que a infcçao esta profunda, proxima a bexiga e ureia por isso nao sinto dor, porem nem mesmo uma ultrassom ela pediu. sera que isso é calculo renal.
    Desculpe pelo texto tao longo, e muito orbigada

    ResponderEliminar
  21. Legal , gostei de ler !

    - Mas não existe nenhum método pra diminuir a creatinina no organismo ?

    ResponderEliminar
  22. Olá,
    Descobri há 2 anos e meio que sou insuficiente renal crónico, por via de Gamapatia Monoclonal de Significado Renal. Fui tratado com quimioterapia em Outubro de 2013, tendo esse mesmo tratamento sido eficaz na redução das cadeias leves livres e neste momento não existe componente monoclonal. A lesão renal não reverteu, apresento neste momento uma creatinina de 4 e um Clearance a rondar os 25%. Já me colocaram o cenário de hemodiálise num futuro próximo, talvez 5 anos. Vou iniciar hoje medicação para baixar ácido úrico (8,2) e manter o controlo da tensão arterial. Entretanto consultei o meu hemeopata que me sugeriu a toma de NUX VOMITA 200 CH. Estou assutado como a perspectiva da hemodiálise e gostaria de saber se existe algo mais que eu possa fazer para além de uma dieta hipo-proteica. Obrigado

    ResponderEliminar