quinta-feira, 28 de julho de 2011

Como se reconhece que o rim está doente?

O rim pode ser atingido por doença de origem imunológica, inflamatória, infecciosa, neoplásica, degenerativa, congênita e hereditária.
A primeira atitude da pessoa é observar a urina, seu volume, sua cor, seu cheiro e a maneira como é eliminada (jato). O volume de urina pode estar aumentado ou diminuído. Grandes volumes diários de três a quatro litros ocorrem na diabete e podem ser a manifestação inicial de outras doenças renais. A cor pode se manifestar turva, esbranquiçada ou sanguinolenta.
O ato de urinar pode ter alterações como dor, ardência, urgência, ou urinar em pequenas quantidades em inúmeras micções diurnas ou noturnas. Pode ocorrer também a presença de inchaço nos pés, mãos e olhos. Quando o rim está inflamado, infectado ou aumentado por tumor ou obstrução ocorre dor nas costas ou flancos. Um dos sintomas iniciais de doença renal pode ser a presença freqüente de micção noturna, ou seja, a pessoa é acordada durante a noite porque está com vontade de urinar.
Quando há cálculos a dor é aguda, intensa e em cólica. Os principais fatores de risco para doença renal são: hipertensão (pressão alta), diabetes, idade acima de 60 anos, estória de doença renal na família e presença de doença cardíaca ou cardiovascular. Outros sintomas que não são específicos de doença renal, mas que podem aparecer em estágios mais avançados da doença renal crônica, quando já ocorre redução importante da função renal são: cansaço e fraqueza por anemia, falta de apetite, náuseas e vômitos.
Outros sinais que podem aparecer são a pele pálida e seca, sinais de anemia, e aumento da pressão arterial.
Caso haja suspeita que a pessoa tenha doença renal os exames iniciais são o exame de urina e a dosagem da creatinina no sangue. O exame de urina pode evidenciar perda de proteína, glicose, sangue, pus e bactérias. A creatinina é uma substância que existe no sangue e constitui um produto do metabolismo muscular, sendo razoavelmente constante. Suas taxas variam de acordo com a massa muscular do indivíduo. Quando ocorre aumento nas taxas de creatinina significa que há uma diminuição da capacidade de filtração dos rins. Outro exame simpels que pode ser realizado é a ecografia dos rins ou do abdome que pode demonstrar a presença de cálculos, sinais de obstrução das vias urinárias, alterações na forma e tamanho do rim.
Fonte:
http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?270

13 comentários:

  1. Meu pai estamos suspeitando que ele tenha problema nos rins,ele é alco letro,e fuma,isso pode ser uma das funções para aparecer essa doença renal?

    ResponderEliminar
  2. estou suspeitando que estou doente dos rins. por isso procurei esta page, e agora estou mais a par do assunto obg.

    ResponderEliminar
  3. Eu tenho inflamacao renal...as vezes e mim incomoda muito...ja sentir muito dor...

    ResponderEliminar
  4. O medico me disse que estou com muita infecção na urina ...estou tomando antibiótico....mas estou sentindo muita dor nas costas do lado esquerdo ...esta bm dolorido,,,,,será que estou com problemas no rim?????

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando sua bexiga doi surge uma bacteria que sobe pro seu rin e faz ele enflamar...

      Eliminar
  5. meu marido esta com os 2 rins doentes, só 20% deles funciona, se a creatinina continuar a subir vai precisar transplantar. mas temos muitas dúvidas sobre este procedimento.

    ResponderEliminar
  6. Segundo o médico minha mãe está com um rim muito doente. Tenho muita dúvida sobre o assunto... Será necessário fazer diálise, hemodiálise ou transplante

    ResponderEliminar
  7. FAZ TRES DIAS QUE ESTOU COM DOR NAS COSTAS SINTO A PAÇMA DA MÃO SECA MINHA PELE ESTA PARDA SEI LA SE É IMAGINAÇÃO TOMEI UMA INJEÇAO PARA DOR MAS AINDA DOI POUCO MAIS DOI ACHO QUE É RINS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ENTRE NA INTERNET LUGAR DE MÉDICO É NA COZINHA E EM DR LAIR RIBEIRO , DOCE LIMÃO SUA VIDA VAI MUDAR FIQUE COM DEUS . A MINHA MUDOU. E OUTROS, TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE.

      Eliminar
  8. Estou com muita dor nos dois lados das costas e ja fiz um primeiro exame e deu calculo renal e tomei remedios e chas e nada de melhorar...fiz um segundo exame e estou esperando os resultados

    ResponderEliminar
  9. TUDO VEM DA ALIMENTAÇÃO.LUGAR DE MÉDICO É NA COZINHA COM DR ADALBERTO GONÇALEZ E DR LAIR RIBEIRO SÃO EXCELENTES, DOCE LIMÃO, NA INTERNET E OUTROS NUTRICIONISTAS. A MINHA VIDA MUDOU HOJE NÃO TOMO NENHUM REMÉDIO GRAÇAS AO MEU BOM DEUS E A ESTES ANJOS QUE ACHEI NA INTERNET, CONFIRA VOCÊS TAMBÉM VÃO CONSEGUIR , AFINAL DEUS É BOM PARA TODOS.

    ResponderEliminar
  10. Oi, tudo bem? Obrigada pelo espaço disponível para duvidas. Tenho uma pedra no rim esquerdo de 4 cm, me formiga as pernas, DOI a lombar e não consigo andar. Tem alguma relação com os rins? Fiz uma ressonância da coluna lombar e tem uma alteração. Mas meu ortopedista que não era para doer tanto. Pediu uma ressonância dos quadris e uma tomografia abdômen completo.

    ResponderEliminar
  11. Meu marido descobriu a IRC a 20 dias, na verdade por uma síncope até agora não esclarecido com relaxamento de esfincter foi parar no PS emergência, fizeram exames básicos e tomo de cranio, ficaram preocupados com alguns problemas que para mim que sou dentista com doutorado em fisiopatologia, não eram problemas, marcamos neurologista, mas a creatinina no dia 3/6/17 era de 6,1 foi o que fez tocar a campainha em minha cabeça, tudo ok no neurologista, que tb não se atentou para creatinina, bem marquei particular o nefrologista...quase nos expulsou do consultório,sabia que não tínhamos convênio e disse "já para o posto-UBS tem que tentar um link com nefrologista e daí diálise"...moramos em Santo André se fossemos depender do SUS daqui, bem sem resposta ao encaminhamento com urgência do clínico do SUS para a Nefrologia...
    Pesquisei tudo e pedi para todo mundo que conhecia e que não conhecia, precisava com aquele nível de creatinina, ureia 126(altíssima) e potássio de 6,2 tinha que encaixar ele no SUS, quase todas às pessoas que conhecia(incluso médicos do HC) ninguém conseguia me ajudar(diziam que nada podiam fazer, médicos chefes de equipes no HC), sempre fiz tudo que pude para paciente e amigos e gente que não conheço, bem qdo. vc precisa a realidade é o outra e o SUS se mostra o que só assistimos no Profissão Repórter ou em outros jornais...
    Bom depois de 10 hs, sim 10 hs no Ps central de São Bernardo sem qq atendimento e uma enfermagem de muito baixo nível... consegui com uma conhecida que é enfermeira no Heliópolis que pediu para eu levar ele às 6 hs da manhã no Ps, fomos havia uma médica de plantão(que ela havia mostrado meus Whatsapp e que ficou muito preocupada, não me lembro o nome da médica, fui com a MINHA COLA DE DÚVIDAS(o que aconselho a todas às pessoas a fazerem em caso de qq problema com exames...pesquise, pergunte, se vire, mas vá com um trem de perguntas para fazer para o médico...se ele responder ótimo...TENTE), bom foi na terça dia 20/6/17 ela dava plantão de 7 às 11 hs, bem já sabia do caso, fez perguntas chaves e pediu exames básicos para IRC...tudo um pouco mais elevado, e ele já estava em dieta do pode nada...encaminhou para a clínica médica do hospital, infelizmente tb não sei pq não estava no avental o nome da chefe dos residentes do Hospital Heliópolis naquele dia...ela sentou na maca com meu marido e explicou tudo o que eu já sabia mas queria que um médico falasse com ele, da hemodiálise a ser candidato a transplante renal...o clearence renal dele não é mais que 12%...bom saímos de lá com uma lista enorme de exames de sangue, sorológicos e Ultrassonografia renal e encaixe para dia 29/6/17 com a Dra. Carla nefrologista do Heliópolis...não fizemos os exames pelo hospital pq não ficariam prontos para ele passar na nefrologista, fizemos particular...sim valor alto, mas meu maior problema é encaixar ele com a nefrologista do SUS e conseguir uma vaga em um serviço de hemodiálise...a ficha dele desde que eu quis pq quis passar com o nefrologista particular, bem foi caindo...caindo e ele está muito revoltado por não saber o pq de ter que ficar ligado a uma máquina 3 vezes por semana por 4 hs...até um transplante, se for candidato...o que ele fez...no caso dele, creio que a nefro vai confirmar, foi pressão arterial alta por mais de 15 anos...hipertenso, não se cuidando, toda vez que eu perguntava...tomou a medicação?deixe eu aferir a pressão...sempre resmungava...esquecia de tomar os medicamentos, infelizmente creio que foi isto a causa da IRC ou insuficiência renal crônica e no caso dele...bem sinto dizer mas creio que com os resultados dos exames, temos uma falência renal...
    ESTOU AQUI pq queria compartilhar e ver se há pessoas que tiveram ou tem problemas similares...e também estou atrás de cardápios de comidas para o paciente em pré diálise e em diálise...quem puder me dar dicas de como TRANSITAR DENTRO DO SUS tb agradeço...
    Fico aguardando respostas...tomará que o blog esteja ativo..
    Att.
    Soraya.

    ResponderEliminar